Naia Restaurante – O mar, felizmente, subiu a serra

O mar é fascinante, misterioso, imponente, desperta um misto de amor e temor naqueles que sabem reverenciá-lo. Há dias de mansidão profunda e outros que dizem estar bravo, revolto, agressivo… Mas, já perceberam uma coisa, a espuma do mar é sempre delicada, por vezes parece até um bordado de renda atirado na água. Creio então, que essa delicadeza foi influência decisiva no novo Naia Restaurante (Naia é espuma do mar em basco).

Naia Restaurante Aquario 645x1024 - Naia Restaurante

A inspiração do chef Tuca Mezzomo – segundo contou em nossa conversa um dia antes da inauguração, quando fiz a visita e tive a oportunidade de provar o cardápio – veio do seu tempo de faculdade de gastronomia em Balneário Camboriú (SC) e viagens pela Europa.

Tuca é um chef jovem, mas logo na estreia com seu primeiro restaurante, o imperdível Charco (#ficaadica visite!), mostrou a que veio.

Nascido em Passo Fundo (interior do RS), trouxe à mesa ingredientes de qualidade de pequenos produtores, mostrou um Sul contemporâneo, autoral; porém, sem deixar de valorizar sua história e relação com o fogo.

Naia Restaurante  Ostras 921x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Ostras 921x1024 - Naia RestauranteOstras de Santa Catarina e Cananéia, Mexilhões e Salada de Caranguejo.

Naia Restaurante

Nesse seu segundo negócio na capital paulista, a proposta é completamente outra. Se o Charco é intimista, penumbra, madeira; o Naia é descontração, luz, água. Tanto que logo na entrada um tanque de 250 litros de água salgada abriga espécies marinhas vivas.

“Nossas conchas chegam, principalmente, do litoral de São Paulo e Santa Catarina” explica o chef.

Curioso com a novidade perguntei então, de onde veio a ideia da nova empreitada?

Das suas memórias dos tempos de faculdade de gastronomia em Balneário Camboriú (SC), quando pescadores traziam baldes de mariscos frescos, que viravam caldeiradas despretensiosas; comidas, sem cerimônia, acompanhadas de uma bebida.

Bem como, dos bares de ostras e frutos do mar que conheceu em diversas visitas a Paris. Locais que simplificam a cerimônia francesa à mesa. Bares, igualmente, vistos em Londres. Além de, é claro, cidades litorâneas ao redor do mundo.

Enfim, a proposta é uma descontração praiana na cidade grande!

Naia Restaurante  Pastel de Lagosta 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Pastel de Lagosta 768x1024 - Naia RestaurantePastel de Lagosta

Bar de Ostras e Frutos do Mar + Restaurante

Dessa forma, quer que as pessoas passem por lá para um final de tarde, seja pra comer apenas ostras e petiscos acompanhados de um belo drink (já falaremos de outro sócio do Naia, o premiado bartender, Jean Ponce) ou então, para uma refeição completa com toque de grelha.

O cardápio é enxuto e muda de acordo com a vontade do mar.

“Valorizamos os pescados brasileiros com toda a qualidade e frescor do nosso litoral. Trabalhamos com um menu sazonal, servindo o que o mar nos traz de melhor”, conta Tuca.

Naia Restaurante  Ricota Artesanal com Bottarga 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Ricota Artesanal com Bottarga 768x1024 - Naia RestauranteRicota Artesanal com Bottarga

Naia Restaurante – Menu

Comece com as iguarias do Aquário. Entre elas ostras de Santa Catarina (R$44) ou de Cananéia (R$49). Mexilhões servidos com vinagrete cortado e temperado com maestria (R$34) ou a Salada de Caranguejo (R$46) que remete a um familiar e saboroso salpicão.

No capítulo Para Beliscar:

Pão e Ricota Artesanal com Bottarga (R$24) – a ricota é de uma leveza impressionante, quase uma textura de espuma. A bottarga, ova de peixe salgada e seca, tem sabor delicado e as raspas de limão trazem um cítrico desejável.

Os Pasteizinhos de Lagosta (R$42) tem fritura sequinha e recheio que preserva o sabor e a textura do crustáceo. Difícil é não comer vários! Delicadeza é a Flor de Abobrinha Recheada com Camarão Rosa (R$36).

Naia Restaurante  Endivia 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Endivia 768x1024 - Naia RestauranteEndívia, Creme de Vôngole e Molica

Da Grelha saem:

A imperdível Endívia, Creme de Vôngole e Molica (R$32). O vegetal caprichosamente defumado, ganha um aveludado creme de vôngoles e textura crocante da Molica (farinha de pão).

Bem como, a inusitada Couve-Flor defumada servida com um gelatinoso Roti de Algas e raspas de Bottarga (R$32).

Naia Restaurante  Arroz Pegado de Polvo 838x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Arroz Pegado de Polvo 838x1024 - Naia Restaurante

Pratos Principais

São dois difíceis de escolher:

Arroz Pegado de Polvo (R$84) – arroz preparado com fundo intenso de sofrito caramelizado com cebolas e temperos, encorpado com guanciale (bochecha) e pé de porco.

Servido com polvo cozido e depois grelhado para ganhar toque defumado. A combinação perfeita já conhecida de porco e polvo, acrescida do sabor tostado do arroz pegando na panela.

Naia Restaurante  Peixe do Dia 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Peixe do Dia 768x1024 - Naia Restaurante

Peixe do Dia com Ervas (R$76) – na minha visita, o que o mar havia oferecido para o Naia Restaurante foi o Beijupirá. Que peixe! Carnudo, posta alta de textura firme e carne branca.

Foi pescado no litoral do Rio de Janeiro, mas é um peixe que ocorre no Brasil do Amapá ao Rio Grande do Sul. Gosta de águas mais quentes e alimenta-se de outros peixes, crustáceos e lulas.

“Contamos com parceiros que mapeiam pescadores locais, privilegiando a pesca sustentável e responsável”, explica o chef que utiliza, basicamente, peixes do litoral de São Paulo e Rio de Janeiro.

Naia Restaurante  Picole de Manga 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Picole de Manga 768x1024 - Naia Restaurante

Sobremesa

A sobremesa quando você lê no cardápio não dá nada por ela, mas te digo: Prove e Seja Feliz! Gostinho de infância de praia.

O Picolé de Manga com Maracujá (R$24) é um sorbet pura manga madura, mergulhado em manteiga de cacau com sementes de maracujá, regado com calda de maracujá. Obra da chef confeiteira Juliana Coladela.

Naia Restaurante  Drink Naia 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Drink Naia 768x1024 - Naia RestauranteDrink Naia

Carta de Drinks

Ir ao Naia Restaurante e não provar os drinks do Jean Ponce é perder parte da sua essência.

Ponce, premiado bartender do famoso Guarita Bar, agora também sócio no Naia, preparou drinks que fogem do lugar comum, evocando o frescor da brisa marítima (traduzida em acidez) e o toque salgado que remete ao mar.

A carta enxuta carrega, igualmente, a proposta sazonal do restaurante.

Na onda dos drinks menos alcoólicos e homenageando o nome da casa, o Naia (R$38) leva apenas 30ml de álcool.

Na composição: Jerez Manzanilla, Gin Nordés (preparado com Uvas Alvarinhas), o azedinho do Maracujá e Espuma de Água do Mar (feita na casa com tônica, limão, sal e amor; segundo me contou o Jean). Pra finalizar raspas de cambuci.

Naia Restaurante  Drink Sao Elmo 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Drink Sao Elmo 768x1024 - Naia Restaurante

O São Elmo (R$38) leva St.Verge, destilado orgânico de pera asiática produzido pela Weber Haus em Ivoti no Rio Grande do Sul + Concentrado de Abacaxi, Mel de Abelhas Nativas, Gotas de Balsâmico e Sal Negro. Drink refrescante, cítrico, que dá vontade de continuar bebendo.

Naia Restaurante  Drink Mar Vermelho 730x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Drink Mar Vermelho 730x1024 - Naia Restaurante

Preparado com Gin Brasileiro YvyMar, que possui na composição alga kombu + Redução de Framboesa com Hibisco concentrado, que avermelham o drink + Gotas de Amargor para alcançar o Equilíbrio e Amor; o Mar Vermelho (R$36) é mais uma boa pedida para acompanhar os pratos do Naia.

Naia Restaurante  Drink Gyro 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Drink Gyro 768x1024 - Naia Restaurante

Coquetel “comestível”

Será possível um coquetel te passar a impressão de ser comestível? Claro que sim! O Gyro (R$38), por exemplo, é pra ser bebido aos pequenos goles, como se fossem colheradas.

Feito com Creme de Cupuaçu é uma bebida densa sem ser pesada, que leva ainda Blend de Bourbon com Rum, Concentrado de Mate e Folhas de Hortelã.

Naia Restaurante  Drink Jereza 768x1024 - Naia Restaurante
Naia Restaurante Drink Jereza 768x1024 - Naia Restaurante

Falando em comestível, chegamos então ao Jereza (R$40). Preparado com Jerez, Aguardente infusionada com Folhas de Tangerina e Vermute Riesling. Chega “tampado” com uma concha que traz em seu interior Folha de Alga Marinha e Castanhas de Caju torradas.

Enfim, vá com um apetite curioso! Combine, experimente, vivencie a proposta que o Tuca e o Jean elaboraram com tanto cuidado!

Naia Restaurante – serviço completo acesse 

Aliás, pra sua informação com relação a pratos e preços, a visita aconteceu em 30/06/2021

https://platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Deixe uma resposta

error: O conteúdo está protegido !!